Restaurante Picolino

Vinho: mitos e verdades

Pinterest

Destruindo Mitos

Os mitos do vinho são quase tão inúmeros quanto as lendas urbanas… Não acredite em tudo o que ouve, e desconfie dos entendidos de plantão…

As lágrimas do vinho são um sinal de qualidade? MITO. Não há relação, entre as lágrimas do vinho, nem com a qualidade, nem com a doçura e nem com a viscosidade da bebida. As gotas que escorrem pela taça, quando giramos o vinho, ocorrem em função da presença de álcool no líquido.

Só o vinho branco vai à geladeira? MITO. A ideia de que o vinho tinto deve ser servido à temperatura ambiente faz sentido, e teve sua origem, no frio dos castelos medievais da Europa. Leia mais sobre a temperatura ideal para servir o vinho tinto.

O álcool destrói células do cérebro? MITO. Na realidade, existem pesquisas que associam o consumo moderado de vinho a um aumento da nossa capacidade cognitiva.

Homens e mulheres de mesma altura e peso têm a mesma resistência ao álcool? MITO. Quer seja pela diferença de relação de gordura corpórea, ou pela diferença da atividade de uma enzima responsável pela decomposição do álcool, o fato é que as mulheres são mais sensíveis ao álcool.
Chardonnay é um vinho fora de moda? MITO. Esse continua sendo o vinho branco mais consumido no mundo.

O consumo de álcool provoca aumento de peso? MITO. Não há associação entre o consumo de vinho e o aumento de sobrepeso ou obesidade. Pelo contrário, é possível encontrar associações, em alguns casos, até à perda de peso.

Vinho branco não pode envelhecer? MITO. A capacidade de envelhecimento do vinho está relacionada, entre outros fatores, à quantidade de taninos e à acidez, que são conservantes naturais. Vinhos brancos podem ter menos taninos que os tintos, mas em contrapartida, muitas vezes têm maior acidez.

Ingerir álcool, ao longo dos anos, torna a pessoa alcoólatra? MITO. Não há base científica para sustentar essa tese. A Organização Mundial de Saúde considera o alcoolismo uma doença com componentes físicos e mentais, nem todos ainda completamente compreendidos.

Champagne pede um cardápio requintado? MITO. Esse é um dos vinhos mais versáteis, de todos. Pode ser perfeitamente servido da entrada à sobremesa, com pipoca ou com lagosta.

Tampas de rosca são úteis somente em vinhos de menor qualidade? MITO. Já há especialistas, ainda uma minoria, é verdade, que defendem a supremacia da tampa de rosca sobre as tradicionais rolhas de cortiça, mesmo para vinhos de guarda.

Certamente essa lista de mitos sobre o vinho vai longe. Não é à toa que temos uma seção inteiramente dedicada a eles.

Fonte: Tintos e Tantos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.